Instagram

domingo, 12 de julho de 2009

Ironman - Frankfurt


No Brasil eu já tinha ouvido falar, aqui eu acompanho de perto. Ironman é o nome de uma famosa competicao de Triatlon que se realiza em alguns lugares do mundo, por exemplo Florianópolis, Hawaii, Frankfurt.
Darmstadt, a cidade onde moro é um celeiro de triatletas alemaes. Existe aqui um clube de triatlon e um grande incentivo ao esporte. No verao se realizam muitas provas de triatlon por todo país e Darmstdt possui uma versao curta do Iron Man, chamada de Heinerman.
Triatlon é um esporte de resistência, que consiste em 3 etapas: nadar, andar de bicicleta e correr.
Na minha terra natal, Sao Carlos-SP, tínhamos uma grande triatleta: Carla Moreno, mas o triatletismo nao é tao comum no Brasil.
Aqui em Darmstadt tem sempre muita gente de roupa esportiva correndo pelas ruas , nadando ou andando de bicicleta.

O Ironman, como o nome já anuncia, desafia o competidor a chegar no seu limite de resistência física. Sao 3,8 km de natacao, 180 km de bicicleta e 42, 195 km de corrida. Os atletas profissionais concluem a prova em mais ou menos 8 horas, os amadores têm até 14 horas pra acabar, senao nao vale mais. O grande vencedor ganha medalha, dinheiro, classificacao e tudo pago para participar da prova do Iron Man Hawaii, o mais famoso. Os amadores uma mochila com vários brindes dentro, um certificado de participacao com o seu nome, tempo realizado e classificacao, além de uma medalha e uma camiseta dizendo que finalizaram a prova. Martin, antes de ontem, me dando a mochila ainda brincou: "Você viu, treinei muitos meses e trabalhei horas debaixo do sol para te dar esta mochila!"

Martin, assim como os seus melhores amigos, é apaixonado por triatlon, e participou deste ano pela 3° vez consecutiva da competicao. Eles nao sao profissionais, praticam triatlon por hobby, mas levam seu hobby muito a sério.

O lado profissional do Ironman é de certo glamour e fama no mundo dos esportes, o lado do hobby, é o lado de vencer seus limites de homem comum e realizar um pesado percurso físico no menor tempo possível. Triatletas profissionais ganham dinheiro e treinam 8 horas por dia ou mais, já os triatletas por hobby treinam em geral no máximo 4 horas por dia, quando podem e pagam caro para participar das competicoes.
No ano passado, eu, a 4 dias na Alemanha acompanhei o Ironman pela primeira vez. Eu ainda estava bem perdida, mas me chamou muito a atencao as pessoas na rua aplaudindo, dando forca aos competidores, a quantidade de pessoas que "competem" e o tamanho da prova. No fim tarde, cada vez que eu ouvia uma ambulância meu coracao disparava e eu precisava ver o Martin para saber se estava bem... (E muitas vezes se ouve a sirene de ambulâncias ao longo da prova.)
O slogan do Ironman aqui de Frankfurt chama este dia de o "O dia mais longo do ano".... O dia comeca mais ou menos as 4: 30 da manha, hora necessária para acordar, tomar café, chegar até o lago, revisar a bicicleta, fazer os últimos preparativos e estar pronto no local de largada as 7 horas.


6h da manha - Chegada ao lago

Os profissionais largam 15 minutos mais cedo.

A quantidade de profissionais é ínfima perto do tanto de amadores.


                                
 
  6:45 - Largada dos profissionais


Quase 7 horas da manha: amadores com toquinhas vermelhas aguardam na água o momento da largada.


Os 3,8 km de natacao sao feitos em um caminho demarcado no lago, fazendo curvas. Do lago, os atletas saem direto para a bicicleta, tirando a roupa de neoprene no meio do caminho. Nadar é a primeira parte porque exige mais concentracao e o corpo mais descansado, senao a pessoa engole água e morre! Quando alguém se cansa lá no meio do lago, pode apoiar nos barcos e botes da organizacao.
O video a seguir mostra a largada dos atletas amadores. Infelizmente havia uma moca fazendo um barulho bem chatinho do lado, mas vale a pena ver. Apelidei os amadores de cabecinhas vermelhas, devido á cor da toca de natacao que eles têm que usar. Os profissionais usam uma toquinha cinza. É impressionante a quantidade de gente se agitando na água...


                             
  
   7 horas da manha: Largada dos amadores


Mais ou menos 3 horas depois da largada, quando restavam pouquíssimas pessoas ainda vendo a natacao, (a maioria já estava acompanhando o percurso de bicicleta), é anuniada a chegada do último nadador; eu fiz um video e tirei um sarrinho, depois fiquei sabendo que era um homem de 75 anos de idade...


       
        Chegada do último nadador

 
Os 180 km do percurso de bicicleta passam por dentro da cidade de Franfkurt e de outras pequenas cidades, incluindo os pontos mais altos da regiao.


Os 42,2 km de corrida sao feitos ás margens do Rio Main no centro da cidade de Frankfurt. Sao 4 voltas infindáveis.


Durante toda a prova os atletas recebem completa assistência da organizacao: comida normal, comida de atleta, (barras de cereais e uns líquidos expessos saborizados), bebidas energéticas, água, isotônicos, esponjas de água e atendimento médico.


     
Equipe de apoio distribui bebidas e comidas energéticas aos participantes


É muito comum os atletas terem problemas de estômago durante a prova. Um dos amigos do Martin, numa outra prova de triatlon, tao longa quanto o Iron Man, teve dores de estômago muito forte e seu ano de treinamento para este dia foi perdido...

No meio da tarde, quando os primeiros colocados já estao terminando de correr, os amadores, em geral, ainda estao andando de bicicleta; o cansaco dos participantes é muito visível e muitos torcedores ficam nos pontos mais altos para dar forca aos que sobem pedalando. Os atletas têm o nome visível na roupa. Martin me disse uma vez, que uma das coisas que mais o deixa feliz na prova é quando alguém que ele nao conhece chama seu nome e diz coisas como: "Muito bem! Vai-Vai-Vai! Continua! Você consegue!" E nós fazemos isto. Ou quando nao vemos o nome antes somente batemos palma e gritamos.


Familiares e amigos levam placas, fazem camisetas e até ensaiam frases de entusiasmo com pom-pons.
"Peter - Ironman - King of Hearts"



Uma moca, próxima de onde estávamos na subida estava com uma placa muito engracada, que fazia muitos atletas rirem ao ler:
"Curtam! Vocês pagaram para isso!"

No topo de uma das subidas sobra cara de cansaco e mau humor. Com a torcida tentamos animar os competedires.


                                
 
 "Sem sorriso, sem u-hu!"


Fim da tarde, a maioria já nao corre mais, apenas caminha. Esse o momento em que nós os chamamos pelo nome.


Este ano, contei 6 brasileiros na lista de participantes, mas nao cheguei a ver nenhum infelizmente. (Eu estava muito empolgada pra gritar bem alto: "Vai Brasil!" hehehehe)

Fiz questao de ir junto com Martin logo cedinho. Quando eram 5 horas da tarde tudo o que o meu corpo queria era voltar pra casa e descansar. Mas eu realmente nao conseguiria, precisava ter certeza que ele terminaria bem. Depois de 13 horas ele terminou, nadou e correu num tempo melhor que no ano passado, mas teve problemas com o percurso de bicicleta. Este ano ele havia treinado mais, entao saiu da entrega de medalha andando e sorrindo, tomou soro e já estava bem. No ano passado teve de ser levado de maca para tomar soro e estava com uma cara péssima no final, eu fiquei muito preocupada...
A sua recuperacao este ano também foi mais rápida, suas pernas ainda doiam um pouco, mas no outro dia já fomos dar uma volta a pé para ver os fogos de uma festa de rua na cidade. Ano passado foi mais ou menos uma semana de molho e os dois primeiros dias praticamente imobilizado de dores.

Eu acabei ficando empolgada e até pensei que quem sabe daqui uns 3 anos eu participo também. (!!) Acredito que é um experiência interessante. Tem pessoas que viajam todo ano só pra participar e fazem do Ironman parte das suas vidas, bonito. (E é bonito também ter um corpinho de triatleta ;-). Mas me conheco, nao prometo nada, e até acredito que quando eu estiver muito cansada, vou fazer como uma moca que estava com uma camiseta escrito África do Sul: era umas 6 horas da tarde, ela já nem estava mais correndo, estava andando devagar; parou perto de mim, ajoelhou no chao e comecou a chorar e a dizer em inglês: "Eu nao posso mais, eu nao aguento mais, eu nao aguento mais..." Eu nao consegui fazer nada estava também muito cansada e já mau humorada, mas por sorte um homem foi até ela, ergueu-a e disse: Vai África do Sul, você consegue, falta só um pouquinho! Ela enxugou as lágrimas devagar e saiu andando meio torta, mas foi. Mais tarde passei por ela já recuperada e com a bandeira da África do Sul amarrada no pescoco, sorrindo.

É, cada um faz o que pode e como pode, pra encontrar sua forca e realizacao.

Para saber mais sobre o Ironman:
http://www.ironman.de/

O que é em alemao:

Fahrrad - bicicleta
Mann - homem
Frau - mulher
laufen - correr
schwimmen - nadar
Fahrrad fahren - andar de bicicleta

Um comentário :

  1. Muito legal seu album sobre o Ironman Frankfurt.Estou inscrito para a prova de 2010 e suas fotos e comentários me deram uma ótima idéia da atmosfera e do astral da competição.
    Abraço,
    Renato David Aquino.
    renato_clark@msn.com

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo! :-D

A Ponte no youtube

Loading...